Televisa & Você: Por que o SBT nos ignora? Queremos soluções e não desculpas!

templates grátis

Translate

English French German Spain Italian Dutch Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

...

BLOG TELEVISA & VOCE

BLOG TELEVISA & VOCE

Pesquisar no blog

Carregando...

SOBRE...

POSTAGENS

...

sexta-feira, 12 de julho de 2013

Por que o SBT nos ignora? Queremos soluções e não desculpas!


Por que o SBT nos ignora?
Em dezembro de 2012, o Brasil começou a prestigiar as gêmeas (Paulina e Paola) mais amadas pela 5ª vez. Estava de volta "A Usurpadora", repetindo o sucesso de audiência e repercussão. Com o retorno da trama, foram surgindo indícios de que o SBT estaria interessado em exibir novelas inéditas com a grande atriz Gabriela Spanic, a qual protagoniza o melodrama.

O que se verificou, no entanto, foi um novo episódio da tradicional série de desculpas e controvérsias, que já de longa data alega a emissora. Seguindo-se as afirmações do diretor Murilo Fraga, que está à frente da decisão dos títulos que vão ao ar, a classificação indicativa de 12 anos impede que tramas como "Soy Tu Dueña" (Sou Tua Dona, produzida pela Televisa em 2010 ) e "La Intrusa" (A Intrusa, mexicana de 2001) - ambas já adquiridas pelo SBT - sejam veiculadas na faixa da tarde. No entanto, sabemos perfeitamente que as coisas não funcionam assim; existem recursos como a edição capazes de adequar ambas as novelas para a faixa da tarde, e existe ainda um público solicitando constantemente uma solução para este impasse.

Se diversos países da América (incluindo Argentina, Chile, Estados Unidos), Europa, Ásia e África (recentemente a Angola também pôde assistir Soy Tu Dueña) conseguiram editar estas novelas e exibir de tarde, e somente o SBT afirma que não; alguma coisa está errada. Se é tão difícil assim fazer esta adequação, deveriam no mínimo abrir um horário à noite no qual possam exibi-la na íntegra, como por exemplo entre 20h e 23h.
O que acontece, e o SBT desconversa com exímio grau de negligência, é que o único motivo pelo qual estas novelas não vão ao ar é o fato de o canal simplesmente NÃO QUERER. Preferem seguir com a eterna reprise de títulos que já foram veiculados à exaustão. Fecharam as portas de seu horário nobre para as novelas mexicanas inéditas e programaram-nas à tarde por uma mera razão de custos. Quando não produziam conteúdo suficiente, a Televisa foi muito boa para comprarem novelas e passarem de noite, agora porque estão adaptando textos, se crêem muito suficientes e acreditam que as originais da mexicana não são dignas de entrar em sua grade noturna.
Amigos de todas as partes do mundo, apreciadores das mexicanas e público em geral que lê este blog com carinho e habitualidade: sabemos todos que o que se pretende não é perseguir emissora alguma e muito menos macular sua imagem, e sim uma mudança de postura e o completo abandono de práticas antiéticas e arbitrárias como são adquirir títulos mexicanos de sucesso (com exclusividade) para deixá-las por anos em seus arquivos.
O SBT sabia perfeitamente o conteúdo forte de Soy Tu Dueña quando ao lado da CNT disputou e ganhou a compra da novela. Conheciam em ricos detalhes a sensualidade e os assassinatos característicos de Ivana, o revólver e a violência de Rosendo e tantos outros elementos mais adultos que classificaram a novela. Se mesmo assim a adquiriram, agora precisam dar um jeito.
Por nós a novela pode ir ao ar à tarde com cortes das cenas picantes, à noite completa, de madrugada no lugar de uma das séries; em qualquer horário. Poderiam até exibir o compacto e na internet disponibilizar o capítulo na íntegra, ou inaugurar uma faixa à noite. Existem "n" soluções. Se formos nos estender, verificaremos que é mais fácil a novela ser exibida do que não exibida. Basta é claro, uma dose suficiente de boa vontade e empenho real e efetivo por parte da emissora.
Gostaria de elogiar a postura respeitosa, cordial, disposta a ouvir, debater de maneira produtiva, ética, pró-ativa, com a qual o diretor do SBT Fernando Pelegio conversa, responde e dá oportunidade para os twitteiros, fãs das novelas mexicanas, poderem se manifestar. Uma pena o fato de não ser ele quem decide. Oxalá todos os diretores do SBT fossem assim, oxalá tivéssemos mais profissionais abertos ao diálogo e menos dispostos a nos calar com bloqueios e respostas secas (para não dizer estúpidas), características estas presentes em outro(s).
Por fim, saliento que Gaby Spanic esteve pessoalmente no Domingo Legal e concedeu uma entrevista direto do México para o apresentador Celso Portiolli. Ela foi gentil, atenciosa, veio ao Brasil, foi às ruas, se mostrou respeitosa e carinhosa com os fãs e o povo nas ruas. Gabriela Spanic abriu seu coração e até mesmo as portas de sua casa para o SBT. Ela garantiu excelente audiência e foi querida com a emissora quando esta a procurou. Por que sempre fica faltando o outro lado? Por parte de Celso, fez até além do que normalmente outro animador faria. Viu pedidos no twitter para entrevistar a Gaby e prontamente se dispôs a convidá-la ao vivo para estar em seu programa. A recebeu, a prestigiou, e depois viajou até o México. Com relação a isso, somos gratos.
Agora, por parte da direção do SBT, é estranho verem tantos pedidos e simplesmente não atendê-los, seguirem com as mesmas desculpas de classificação, darem preferência para novelas antigas, colocarem Gaby Spanic e todos os seus fãs, (nós), seus Spanic Fans, em segundo, terceiro, último lugar.
Será que a Gaby ainda precisa dar alguma prova de que é merecedora de mais prestígio?
Será que nem ela nem os fãs merecem um espaço no horário nobre para que esta grande atriz, a pessoa, o ser humano, a estrela e tudo que representa Gaby Spanic possa receber uma solução rápida, concreta e efetiva?
Será que todas as vezes que a atriz utilizou o seu espaço no twitter para ajudar nos pedidos da novela e quis até mesmo falar pessoalmente com o empresário, animador e homem de televisão Sílvio Santos não significam nada para o SBT? Será que uma novela de 1998 receber o horário da tarde, com baixo share, em pleno verão, pegando a audiência com 2 (dois, e às vezes até menos) no Ibope e entregando com picos de 8, 9, conseguindo até a liderança, nada disso torna Gaby Spanic merecedora da exibição de Soy Tu Dueña e La Intrusa?
Por que o SBT nos ignora? O que fizemos? É por que colocamos de forma aberta e franca tantas incoerências? Queremos respostas, respostas no critério da verdade e não desculpas. E acima disso: queremos, necessitamos e continuaremos a pedir SOLUÇÕES.
Pela grande atriz, profissional e atenciosa e humana com o seu público que a ama em todo mundo, Gabriela Spanic.
Pela valorização concreta dos novos títulos adquiridos junto à emissora Televisa.
E por todos os telespectadores que assistem o SBT.
Queremos soluções e não desculpas.
Jônatan Nunes - @SBTexibaSoyTuDu

Para ir à página principal:

Para ir à página principal:
Acesse as postagens do dia!